Verstappen fecha primeiro dia de testes na ponta





E neste primeiro dia de testes em Barcelona, quem terminou as atividades com o melhor tempo, foi Max Verstappen, que utilizou o composto hiper-macio para cravar a sua melhor volta, entretanto a diferença dele para Carlos Sainz Jr que marcou o segundo melhor tempo também de pneus hiper-macio, foi de apenas 0,034s.

O jovem holandês que assumiu a ponta da tabela de tempos logo após o almoço, ele que também foi o segundo piloto que mais completou voltas durante o dia, sendo um total de 148 voltas ficando apenas 3 voltas atrás de Lewis Hamilton da Mercedes que marcou o sexto tempo e foi o piloto que mais completou voltas durante a sessão. 

Sebastian Vettel da Ferrari marcou o terceiro tempo e foi o único piloto do top 5 a fazer a sua melhor volta na sessão com pneus macios e ficou cerca de 0,1s atrás do tempo marcado por Verstappen. Logo atrás do alemão tivemos Romain Grosjean da equipe Haas que chegou a liderar a sessão na parte da manhã quando marcou a sua melhor volta do dia, tempo que foi suficiente para deixa-lo com o quarto tempo no final do dia. 

Nicholas Latifi, que assumiu o comando do VJM11, mostrou um excelente ritmo durante o dia e  cravou o quinto melhor tempo no fim do dia superando assim Lewis Hamilton da Mercedes.

O vencedor do último GP, Lewis Hamilton, foi o único piloto da sessão a fazer seu melhor tempo com os pneus médios, mesmo tendo depois utilizado os compostos macios, mas a equipe Mercedes, parece estar focada assim como na pré-temporada em obter mais dados do pneu médio. Além disso Hamilton a pedido da FIA testou em seu carro uma asa traseira com luzes de led. 

A Mclaren teve um bom dia com Stoffel Vandoorne que conseguiu completar 85 voltas e marcar o sétimo melhor tempo de pneus supermacios, ele que foi para a pista com a configuração atual do MCL33 enquanto Lando Norris e Oliver Turvey marcaram o décimo e o décimo terceiro tempo utilizaram a configuração antiga do MCL33, isso porque os dois pilotos estavam cumprindo um cronograma da Pirelli que já começou o desenvolvimento de seus pneus para 2019. 

Esses testes que caem em boa hora para a equipe de Woking, já que eles aproveitaram esses dois dias para conseguir entender melhor o seu carro com o novo pacote de atualizações que trouxeram para o GP da Espanha. 

A Pirelli que além da Mclaren, escolheu também a Force India para executar um cronograma de testes e com isso George Russell foi quem ficou encarregado, ele que marcou o décimo primeiro tempo. 

Antonio Giovinazzi que amanhã (16) guiará pela Ferrari no segundo e último dia de testes, terminou o dia de hoje (15) com o oitavo melhor tempo no comando do C37 da equipe Sauber seguido por Oliver Rowland da Williams que fez o nono tempo e completou um total de 121 voltas sem problemas. 

Quem não teve um dia bom foi a Toro Rosso e o seu piloto Sean Gelael, já que por causa de um problema relacionado ao chassi fez com que eles precisassem trocar o motor do STR13, como medida de precaução e com isso Gelael conseguiu completar apenas 50 voltas durante o dia e ficou com o décimo segundo tempo.




Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário