Ricciardo voa em Mônaco, quebra novamente seu próprio recorde e fica com a pole position

Daniel Ricciardo - Manuel Goria / Sutton Images 


Imbatível , Daniel Ricciardo cravou neste sábado com certa tranquilidade a sua segunda pole position na carreira, que também é a segunda pole position que ele faz em Mônaco, sendo a primeira em 2016.

O piloto da Red Bull, além de ter liderado todos os treinos livres, também liderou o treino classificatório desde o começo e no final cravou uma volta de arrepiar e se tornou o único piloto a marcar uma volta no circuito de Mônaco na casa de 1min10s. E com tudo isso amanhã Ricciardo tem tudo para vencer o GP de Mônaco e fechar esse fim de semana que tem sido perfeito até agora para ele com chave de ouro. 

Já Max Verstappen companheiro de equipe de Ricciardo, não foi para a pista, devido a uma batida forte que ele teve no terceiro treino livre e por causa das avarias que seu carro teve acabou ficando de fora, além disso ele precisou trocar a caixa de câmbio, de qualquer forma ele não largaria na primeira e nem na segunda fila, já que recebeu uma penalização de 5 posições no grid de largada devido a está troca . 

O piloto mais próximo de Ricciardo, foi Sebastian Vettel da Ferrari, que até tentou ameaçar o australiano, mas no fim acabou ficando à 0,2s atrás. Hamilton por sua vez conseguiu ter uma melhora expressiva no Q3 e cravou o terceiro melhor tempo, porém ficou à 0,4s do melhor tempo assim como Raikkonen que marcou o quarto tempo e largará amanhã ao lado do piloto inglês na segunda fila. 

O quinto colocado foi Valtteri Bottas que durante este fim de semana não mostrou em nenhum momento um grande desempenho, ele que ficou à 0,6s do melhor tempo da sessão mostrando assim que para amanhã ele deverá ter dificuldades durante a corrida para brigar por posições com os pilotos à sua frente. 

O melhor do resto foi Esteban Ocon, que conseguiu os seus rivais por uma vantagem miníma e largará amanhã na sexta colocação enquanto seu companheiro de equipe Sergio Perez largará na nona posição. 

Fernando Alonso da Mclaren e Carlos Sainz da Renault fizeram um bom treino classificatório e marcaram o sétimo e oitavo tempo. 

Fechando o top 10 tivemos Pierre Gasly da Toro Rosso que salvou o dia para a sua equipe, já que seu companheiro, Brendon Hartley, acabou sendo atrapalhado em sua última volta rápida durante o Q1 e acabou sendo eliminado ainda na parte inicial do treino. 

Os pilotos que chamaram a atenção durante o treino foi Sergey Sirotkin da Williams e o 'piloto da casa', Charles Leclerc da Sauber, que passaram o Q1, com o oitavo e nono tempo respecitvamente, porém terminaram a sessão com o décimo terceiro e décimo quarto tempo, mesmo eles tendo conseguido pequenas melhoras no Q2. 

O GP de Mônaco terá a sua largada às 10h10, horário de Brasília.


Share on Google Plus

About Raphael Carvalho

0 comentários:

Postar um comentário